fbpx
+55.61.40636880 atendimento@acarauturismo.com.br

Login

Cadastre-se

Depois de criar uma conta, você poderá acompanhar seus pagamentos, acompanhar as confirmações de reservas e também fazer avaliações das suas viagens.
Nome de usuário (CPF)*
Senha*
Confirmar Senha*
Nome*
Sobrenome*
E-mail*
Telefone com DDD*
País*
* Criar uma conta significa que você concorda com os nossos Termos e Serviços e a nossa Política de Privacidade.

Já é cadastrado?

Login
+55.61.40636880 atendimento@acarauturismo.com.br

Login

Cadastre-se

Depois de criar uma conta, você poderá acompanhar seus pagamentos, acompanhar as confirmações de reservas e também fazer avaliações das suas viagens.
Nome de usuário (CPF)*
Senha*
Confirmar Senha*
Nome*
Sobrenome*
E-mail*
Telefone com DDD*
País*
* Criar uma conta significa que você concorda com os nossos Termos e Serviços e a nossa Política de Privacidade.

Já é cadastrado?

Login

Em 2016, a Acaraú levou 22 viajantes para o Japão, terra do sol nascente, e para a Coreia do Sul, terra da inovação tecnológica.

Estes dois pequenos países da Ásia possuem economias fortes e invejável qualidade de vida, além de suas tradições culturais milenares que são valorizadas até hoje. Explorar esta mistura entre o tradicional e o moderno proporciona uma viagem muito interessante, cheia de surpresas.

Para dividir esta incrível experiência com quem ainda não teve esta oportunidade, convidamos o dona da empresa Demian a compartilhar o que ele vivenciou quando acompanhou o grupo neste tour.

O que te chamou mais atenção assim que chegou ao Japão?

Demian: Enquanto andava de ônibus eu percebi a limpeza da cidade, a falta de pichações. Tudo era muito certinho, bonitinho e parecia, até em alguns momentos, intocado. Eles têm uma preocupação muito grande com limpeza, aparência e cuidado. Não lembro, por exemplo, de ver lixeiras na rua, você tem que andar com o lixo até entrar em um restaurante ou hotel. Esse cuidado com a limpeza também é encontrado nos banheiros – o primeiro encontro com um vaso sanitário automatizado é bastante divertido.

Vista do ônibus

Conte-nos sobre as diferenças que você percebeu entre a culinária japonesa e a sul-coreana.

Demian: São incomparáveis as culinária dos dois países. Para começar, a cozinha coreana costuma usar temperos mais apimentados. No Japão, os pratos tradicionais e típicos são os mais fáceis de achar pelo país e na Coreia do Sul, além de ter acesso à deliciosas comidas típicas, é muito comum também encontrar restaurantes internacionais.  Para quem gosta experimentar comidas diferentes, lembro de um espetinho de arraia e lula seca que comi na lha de Jeju.

Demian prova comidas locais de Jeju

Todos esperam ver o florescimento das cerejeiras no Japão, mas a natureza pode pregar peças inesperadas. Vocês conseguiram presenciar este processo? 

Demian: Sim, nem sempre é garantido ver, mas como a Acaraú tem um roteiro de aproximadamente 20 dias, você fica um bom tempo nos países e ambos tem muitas cerejeiras. Eventualmente você acaba passando por uma rua ou um parque que contém alguns pés de cerejeiras. Eu vejo uma semelhança com os ipês de Brasília, há uma época do ano em que muitos florescem e eles estão espalhados pela cidade, então você tem várias oportunidades para ver as belas flores rosadas de Sakura.

Florescer das cerejeiras no Japão

Demian, os dois países tem culturas muito tradicionais, alguma coisa te impressionou mais?  

Demian: Eu adoro como eles prezam pelo tempo e por métodos para serem organizados. No Japão, quando precisamos embarcar no trem bala, a nossa guia separou os brasileiros em times, verde e azul, pra preparar para o embarque. É uma verdadeira missão embarcar um grupo rapidamente para que ninguém perca a hora, pois as paradas nas estações só duram um minuto. Imagine, então, um grupo de viajantes desavisados conseguir embarcar rapidinho e achar seu assento antes da hora do trem partir? A experiência e organização japonesas fizeram toda a diferença.

 

Sob consulta

Coreia do Sul e Japão

21 dias / 20 noites
Guarulhos

Deixe um comentário

Atendimento